segunda-feira, 5 de agosto de 2013

Amamentar realmente é um ato de amor!

Em continuação ao post passado, hoje vou contar minha experiência com a amamentação.
Como já disse no post passado, a partir do momento em que eu soube que estava grávida eu decidi que iria amamentar.
Minha preparação começou alguns meses antes com massagens para formar bico, esfoliação com buchinha vegetal e uso de conchas também para a formação do bico.
Assim que ela chegou no quarto, imediatamente a coloquei para sugar.
Meu Deus, não sei nem como explicar o que sentir naquele momento!
Foi uma mistura de sentimentos.
Foi amor,
foi carinho,
foi doação,
foi paixão,
foi amizade,
foi ternura,
foi felicidade,
foi cócegas,
foi gratidão...
Naquele momento eu me senti mãe por completo.
Enquanto olhava para aquela boquinha, que sugava com toda força, pensava na importância daquele momento.
Mas muitos medos vieram, muitas dificuldades e dores também.

Lembro que na primeira semana, todas as vezes em que ela sugava, eu sava frio de tanta dor. Meus seios racharam muito. E como ela só mamou no segundo dia ( devido ao parto ser cezariana) e não exatamente assim que nasceu, meu leite demorou muito para descer, o que a fazia sentir muita fome e mamar muitas vezes e por longas horas. Isso mesmo horas, ela ficava das 19:00 até ás 23:00., dormia no peito, e quando eu a colocava no berço ela acordava e voltava a mamar novamente. Isso durou por longos dias. Tinha olheiras de uns 3 dedos + ou -. Minha amiga e também madrinha da Gabi, hoje me conta que ela ia embora morrendo de dó, do tanto que eu fiquei acabada. O bom é que emagreci tudo o que ganhei na gravidez e mais um puco em 15 dias.
Eu perguntava a minha mãe se seria daquele jeito sempre, se ela ficaria mamando por 4 horas seguidas eternamente, se os meus peitos ficariam vazando daquela forma( eu achava que nunca mais iria conseguir sair de casa com tanto leite vazando).

Mas tudo passou. E isso é uma das coisas que tenho aprendido desde que me tornei mãe: TUDO PASSA!
As dores foram embora (exceto agora que ela tem dente e as vezes dá umas mordidinhas hehehe), o tempo de mamada se encurtaram para somente alguns minutinhos, e o leite é na medida certa, só as olheiras  que ainda insistem em permanecerem hahahah.

Passado então o começo que não é fácil para ninguém, tudo ficou PERFEITO! E esse momento se tornou então, prazeroso para nós duas. Ele só faz o nosso elo crescer cada vez mais.
Fico feliz em saber que ela se sente segura enquanto eu me dou á ela.
Vem então os benefícios: não ter que esterelizar mamadeiras, leite quentinho e prontinho a qualquer hora e em qualquer lugar e mamãe e filha podendo trocar carícias e olhares.
Haaa esses olhares!! E os sorrisos...é maravilhoso saber que você é tão importante ao ponto dela deixar o seu alimento preferido só para sorrir para você, só pra você.

É por isso que eu digo o meu próximo filho(se eu criar coragem para ter), eu amamentarei novamente. Passarei por tudo. Para ter por algumas horas, ou que seja por alguns curtos minutinhos um momento só eu e ele(a), mas momentos esses que valem muito a pena, que valem muito mais que qualquer dificuldade que todo começo possa trazer!

E por aqui as coisas ainda continuam assim: Gabi com 10 meses e eu a amamentando com muito prazer.

Essa foi a primeira vez que a amamentei, ainda na maternidade!

2 comentários:

  1. Verdade amiga, AMAMENTAR É UM ATO DE AMOR, eu sofriiii muuuito tambem nos primeiros dias, ela não sabia pegar o peito, rachou, ela tinha que mamar com sangue muitas vezes com pus, toda vez que chegava a hora da amamentação eu ja começava a chorar, pois a dor era horrivel...Ela mamava por horas tbm mais NUNCA pensei em desistir, pois meu sonho era poder amamenta-la, e realizei, o meu leite desceu 2 dias depois do parto, e isso que tive parto normal!
    Hoje ela tem quase 6 meses e ainda mama no peito e eu me orgulho muito disso!
    Falei sobre isso la no meu blog tbm, adoro seu cantinho!
    Beijooos


    http://yasminpresentededeus.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá linda!!! É isso mesmo tem que se orgulhar mesmo de ter continuado com a amamentação! sua princesa está cada dia mais linda e muito esperta...

      bjos

      Excluir

Deixe seu comentário, vou ficar muito feliz!